07/03/2019 - 11h22m

Ações da SEFAZ são do próprio órgão estatal

Weslene Rocha  

As recentes ações adotadas pela Secretaria da Fazenda do Estado do Tocantins são de exclusiva responsabilidade da própria entidade. Importante também ressaltar que, do Plano de Ação apresentado pelo SINDARE e AUDIFISCO, dentre as sugestões prioritárias, apenas a criação da Diretoria de Grandes Contribuintes está sendo implementada. Outras medidas, sequer foram até então cogitadas, o que é lamentável. Recadastramento dos contribuintes, implementação do DEC - Domicílio Eletrônico dos Contribuintes, distribuição eletrônica dos contribuintes e realização de concurso público. Quanto a essa última, a ASFETO acaba de apresentar uma boa sugestão, a realização de curso para que pelo menos cem Auditores Fiscais da Receita Estadual, interessados, se especializem em trabalhos de “auditagem“. Assim, sob os argumentos de que “que o mais sensato seria ministrar cursos especialização e treinamentos técnicos (atualização, na verdade) a diversos e competentes colegas em atividade do que bater-se por concurso em época de contenção gasto e redução pessoal”, a ASFETO apresenta sugestão, o que, a AUDIFISCO e o SINDARE entendem como um salutar contribuição à situação, uma alternativa. O diálogo, é sempre importante.

© 2012 - AUDIFISCO - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare